recent posts

banner image

Médica que defendeu quebra do isolamento morre vítima de Covid-19 no Ceará

Compartilhe esta Notícia

A médica Lúcia de Fátima Dantas de Abrantes, de 65 anos de idade, morreu vítima de coronavírus. Por volta das 11h da manhã desta sexta-feira (10). Ela estava internada em uma UTI de Iguatu, no Ceará.

Iguatu, de 100 mil habitantes, fica 370 quilômetros ao sul de Fortaleza. O Ceará é o terceiro estado brasileiro em número de casos, depois de São Paulo e Rio de Janeiro. Nesta sexta, o Ceará chegou a 67 mortes e 1.558 casos confirmados de Covid-19.

Um bebê de três meses de idade, que sofria de problemas renais, já havia falecido na cidade no dia 3, também contaminado pelo vírus.

Em 16 de março, a médica produziu no Facebook um meme duvidando da letalidade do novo coronavírus.

“Existem vírus muito mais potente e que matam muito mais (h1n1 por exemplo) e ninguém está nem aí para eles. Porque será??????”,  escreveu.

No dia 27 de março, ela havia reproduzido convocação para uma carreata organizada por empresários em Recife, pela reabertura do comércio em plena pandemia.

Por Gilberto Lima 
Médica que defendeu quebra do isolamento morre vítima de Covid-19 no Ceará Médica que defendeu quebra do isolamento morre vítima de Covid-19 no Ceará Reviewed by Blog do Victor Macedo on 12:11 Rating: 5

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.