recent posts

banner image

Irã não entregará caixa-preta de avião ucraniano aos EUA e à Boeing

Compartilhe esta Notícia


A Organização da Aviação Civil do Irã anunciou que não entregará à Boeing e a investigadores americanos as caixas-pretas da aeronave ucraniana que caiu nesta quarta-feira (8), logo após decolar do aeroporto de Teerã. A aeronave transportava 176 pessoas. Ninguém sobreviveu.

A Convenção Internacional de Aviação Civil, da qual o Irã é signatário, prevê que fica responsável pela investigação o país onde a aeronave caiu (ou de onde ela partiu). Nesse caso, o Irã. Porém, a convenção prevê que o país fabricante (os EUA) e a empresa que o produziu, que é a Boeing, participem da investigação e tenham acesso às informações das caixas-pretas imediatamente.

Ali Abedzadeh, diretor da agência iraniana, afirmou que a investigação será feita no Irã, conforme prevê a Convenção. Os representantes da Ucrânia estarão envolvidos nesse processo, mas ele descartou entregar os equipamentos à fabricante Boeing e às autoridades americanas.

"Não daremos as caixas-pretas para o fabricante [Boeing], nem para os americanos", afirmou o diretor dessa agência iraniana, Ali Abedzadeh, citado pela agência de notícias Mehr.

No entanto, ele não deixou claro se o Irã permitirá que os americanos acompanhem o inquérito.

As normas internacionais ainda preveem que também acompanhem a investigação, o país onde a aeronave pousaria (neste caso, a Ucrânia), países com fabricantes de peças do avião e países com passageiros que morreram na tragédia.

Queda da aeronave

A tragédia aconteceu poucas horas após o Irã ter disparado mísseis contra duas bases aéreas que abrigam tropas dos EUA no Iraque, em resposta à morte do general Qassem Soleimani. No entanto, não há informações sobre relação entre os dois casos.



A morte do importante comandante iraniano em um ataque americano em Bagdá, no Iraque, fez aumentar o temor de um conflito entre Irã e Estados Unidos. O governo do Irã prometeu vingança e bases americanas no Iraque foram atacadas por mísseis iranianos.

Causas da queda

O voo 752 da Ukraine International Airlines partiu às 6h12 (horário local), com quase uma hora de atraso, do aeroporto Imam Khomeini (Teerã) e tinha como destino o Aeroporto Internacional Boryspil, em Kiev, na Ucrânia. O avião caiu em Shahedshahr, no sudoeste da capital iraniana.

A Ucrânia participa das investigações feitas pelo Irã. O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, afirmou que uma comissão investiga todas possibilidades.

A embaixada da Ucrânia chegou a divulgar uma nota dizendo que, segundo informações preliminares, a queda do avião teria sido provocada por problemas técnicos no motor e descartando qualquer relação do incidente com terrorismo ou com os disparos de foguetes.

Mais tarde, uma nova nota destacou que as causas estão sendo esclarecidas.

O que se sabe e o que ainda falta esclarecer sobre a queda do avião no Irã

"As informações sobre as causas da queda do avião estão sendo esclarecidas pela comissão. As declarações anteriores relativas às causas do acidente à decisão da referida comissão não são oficiais”.

Fonte: G1 
Irã não entregará caixa-preta de avião ucraniano aos EUA e à Boeing Irã não entregará caixa-preta de avião ucraniano aos EUA e à Boeing Reviewed by Blog do Victor Macedo on 13:57 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.