recent posts

banner image

EM GRANDE ESTILO, BRASIL VENCE JAPÃO

Compartilhe esta Notícia

O jogo
Logo no início da partida, Fred ajeitou com o peito, Neymar pegou de primeira e mandou no ângulo de Kawashima para abrir o marcador. Brasil 1 Japão 0.
Sem pressa, a seleção começou a trocar passes no campo de defesa. Atrás no placar, a seleção japonesa saiu para o ataque. Em um erro de domínio de Oscar, Honda recebeu cruzamento na área e pegou de primeira, mas o chute foi longe do gol. A seleção dominava o jogo no campo de ataque, Felipão avançou a marcação, fazendo com que seleção japonesa jogasse no erro brasileiro.
O segundo gol brasileiro quase saiu aos 21 minutos, quando Hulk tabelou com Daniel Alves, invadiu a área e bateu cruzado, a bola desviou, mas, Kawashima espalmou e a zaga cortou antes da chegada de Paulinho.
O Brasil não fazia uma partida brilhante, mas, controlava o jogo.
Aos 36 minutos do primeiro tempo, Hulk recebeu no bico da grande área, soltou a bomba e estufou a rede pelo lado de fora. Aos 42 Na saída de bola errada do Japão, Fred puxou o contra-ataque, Neymar devolveu para o atacante, que chutou cruzado, mas o goleiro espalmou e ainda evitou a sobra para Neymar. Final de primeiro tempo Brasil 1 Japão 0.
Números do primeiro tempo
Posse de bola: Brasil 63% / Japão 37%
Chutes a gol: Brasil 4 / Japão 2
Faltas cometidas: Brasil 8 / Japão 5
Impedimentos: Brasil 0 / Japão 1
Escanteios: Brasil 1 / Japão 0
Segundo Tempo
De volta ao jogo, o Brasil tratou de ampliar o placar no início da segunda etapa. Aos dois minutos, livre na área, Paulinho recebeu de Daniel Alves e chutou por baixo de Kawashima, que falhou. Brasil 2 Japão 0. Em reposta ao gol brasileiro, o técnico Zaccheroni tirou um meia para colocar um atacante alto em campo. Saiu Kiyotake para a entrada de Maeda. Com a alteração, a seleção japonesa esboçou uma reação. Okazaki antecipou o cruzamento de Uchida na área, tocou de primeira, e a bola passou raspando a trave esquerda de Julio César.
Aos 16 minutos, Felipão chamou Lucas, Hernanes e Jô para o aquecimento.
A seleção brasileira controlava a partida e criava as melhores oportunidades gol. Aos 28 minutos, alteração no Brasil, sai Neymar, para entrada de Lucas e Hulk para entrada de Hernanes. Com as alterações, a seleção voltou ao 4-4-2 mais tradicional, com o Lucas voltando mais, o meio de campo pôde ficar até com cinco jogadores.
No Japão, saiu Endo para entrada de Hosogai. As substituições da seleção Japonesa, não surtiram efeito e o time se via envolto ao jogo brasileiro.
Após a saída de Fred para entrada de Jô, o Brasil começou a trocar passes entre volantes, zagueiros e laterais na defesa e mantinha a posse de bola.
Aos 47, em grande jogada de Oscar, o meia puxou o contra-ataque e deixou Jô na cara do gol, o atacante tocou por baixo na saída de Kawashima, para marcar o terceiro gol brasileiro. Final, Brasil 3 Japão 0.
Números do jogo
Posse de bola: Brasil 63% / Japão 37%
Finalizações: Brasil 11 / Japão 9
Roubadas de bola: Brasil 23 / Japão 8
Passes errados: Brasil 50 / Japão 25
Faltas cometidas: Brasil 15 / Japão 13
Neste domingo, o México encara a Itália. Pelo Grupo B, a Espanha terá o Uruguai pela frente.
EM GRANDE ESTILO, BRASIL VENCE JAPÃO EM GRANDE ESTILO, BRASIL VENCE JAPÃO Reviewed by Blog do Victor Macedo on 10:07 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.